Skip to content

Concurseira torna-se empreendedora

O sonho de passar em um concurso público acabou se transformando em depressão para Vania Lima de Almeida Matias, de 36 anos, que tentou por alguns anos e não conseguiu ser aprovada. Queria estabilidade e garantia de boa remuneração. Por indicação médica para sair do processo depressivo, decidiu fazer cursos, optando primeiro pela graduação e, em seguida, por cursos profissionalizantes no Senac-DF. Após esse processo, conseguiu a tão sonhada independência financeira.

Mãe de três meninas de 11, 15 e 18 anos, a moradora de Taguatinga Sul casou cedo, aos 16 anos, e logo teve a primeira filha. Trabalhava no comércio do pai, que facilitava para que a Vania tivesse tempo de se dividir entre o trabalho e os cuidados com a família. “Com ele dava para conciliar casa, filhas e estudo.”

Incentivada pelo marido, começou a se dedicar aos estudos para concurso público em 2000. Indecisa, muitas vezes desistia e retornava. Essa rotina durou 10 anos e a frustração a levou à depressão. “Eu não sabia o que queria”. Foi então que o médico sugeriu que ela fizesse cursos ou entrasse em uma academia.

Fez em 2011 os cursos de Depilação e Design de Sobrancelhas na unidade do Senac em Ceilândia. Já fazia a faculdade Gestão de Recursos Humanos, em que se graduou. Não parou mais de se qualificar. Atualmente, faz três pós-graduações: Gestão Empresarial, Gestão de Pessoas e Docência do Ensino Superior. Também já investiu em cursos de ética profissional, administração empresarial, administração e produção, como gerenciar, como administrar meu dinheiro, entre outros

No Senac, Vania encontrou sua vocação. “Decidi fazer esses dois para cuidar das minhas filhas. No início não pretendia trabalhar nessa área”, conta. Porém, a identificação foi tão grande que Vania logo surpreendeu a família quando informou da decisão de trabalhar na área.

No fim de 2011 ela inaugurou o Espaço Íntimo. Fica no mesmo lote em que mora, mas em espaços diferentes. “Separei loja da casa para minhas clientes ficarem à vontade”. Oferece design de sobrancelhas, depilação com cera e linha, limpeza de pele, massagem, banho de lua e permanente de cílios. O trabalho é personalizado, com hora marcada e serviços adicionais para agradar à clientela. Enquanto faz a sobrancelha, por exemplo, a cliente pode relaxar no colchão massageador.

A empresária está realizada. Os sintomas da depressão ficaram no passado junto com a vontade de ser tornar funcionária pública. “Estou muito bem, sou dona do meu próprio negócio, sou feliz e faço o que amo”, diz Vania. Ela pensa em dar aulas na área de beleza e prestar consultoria empresarial. “Tenho muitos planos e sonhos, graças a Deus.”

Foto: Cristiano Costa

Compartilhar:

Facebook
Twitter
LinkedIn
WhatsApp
Veja mais!

Notícias Relacionadas