ESCLARECIMENTO 03 – Pregão Presencial SRP N.º 15/2015

Prezados Senhores,

Em atenção ao questionamento quanto o Instrumento Convocatório Pregão Presencial SRP N.º 15/2015, que tem por objeto o registro de preços para o eventual fornecimento de Switches para atender as demandas e necessidades dos espaços pedagógicos do Senac-DF.
Empresa: WORK LINK LTDA
“(…) Referente ao item 2.1.3. Possuir matriz de comutação de pelo menos 220Gbps. Uma vez que sejam consideradas as interfaces solicitadas nos itens 2.1.1 e 2.1.2, e a largura de banda de empilhamento de 40Gbps, podemos chegar a uma matriz de comutação de 176Gbps através do seguinte calculo 40Gbps (empilhamento) + 2x20Gbps (2 portas 10Gbps) +2x48Gbps (48 portas 1Gbps) = 176Gbps full duplex. Entendemos que será aceito equipamento que possua capacidade agregada de switch fabric de pelo menos 176 Gbps, suficientes para operação nonblocking de todas as interfaces ofertadas. Está correto nosso entendimento?“
Resposta: Não está correto o entendimento. O switch ofertado deverá atender aos requisitos mínimos estabelecidos neste edital.
“Referente ao item 2.1.4. Possuir capacidade de processamento de pelo menos 160Mpps (milhões de pacotes por segundo). Uma vez que sejam consideradas as interfaces solicitadas nos itens 2.1.1 e 2.1.2, e a largura de banda de empilhamento. Entendemos que será aceito equipamento que possua capacidade de processamento de pelo menos 130Mpps, suficientes para operação non-blocking de todas as interfaces ofertadas. Está correto nosso entendimento?”
Resposta: Não está correto o entendimento. O switch ofertado deverá atender aos requisitos mínimos estabelecidos neste edital.
“Referente ao item 2.1.12. Deve suportar fonte de alimentação redundante externa. Tal funcionalidade é normalmente utilizada em equipamentos desenvolvidos para função de distribuição, datacenter ou ToR (Topo de Rack) que além de elevar o custo dos equipamentos demanda uma estrutura elétrica apropriada para suportar este tipo de implementação, outro ponto a ser levado em conta é que fontes redundantes são desenvolvidas especificamente para cada modelo e fabricante e como a aquisição deste acessório não está contemplada neste edital a exigência desta característica não é justificada. Sendo assim entendemos que equipamentos que atendam às demais característica, porém não suportem fonte redundante também serão aceitos. Está correto nosso entendimento?”
Resposta: Não está correto o entendimento. O switch ofertado deve suportar o uso de fontes redundantes.
“Referente ao item 2.1.15. O switch fornecido deve ser empilhável. O empilhamento deve ser feito através de cabo dedicado e não deve consumir interfaces de Rede. Entendemos que o empilhamento não deverá utilizar nenhuma das interfaces de rede solicitadas nos itens 2.1.1 e 2.1.2, mantendo 50 interfaces de rede ativas e mais as interfaces utilizadas para o empilhamento que deverão utilizar cabos metálicos para a interligação. Está correto nosso entendimento?”
Resposta: Não está correto o entendimento. O empilhamento não deverá utilizar nenhuma das interfaces de rede solicitadas nos itens 2.1.1 e 2.1.2. O switch ofertado deverá atender aos requisitos mínimos estabelecidos neste edital.
“Referente ao item 2.1.19. Deve ser possível criar uma conexão de pelo menos 80Gbps entre os comutadores membros da pilha. Levando em conta as interfaces solicitadas nos itens 2.1.1 e 2.1.2 e o número de unidade a serem empilhadas solicitadas no item 2.1.16, podemos considerar que uma banda de empilhamento total de 40 Gbps é completamente suficiente para interligar as unidades da pilha sem qualquer prejuízo ao desempenho da comunicação entre os clientes. Sendo assim entendemos que equipamentos que possuam tal capacidade total de empilhamento também serão aceitos. Está coreto nosso entendimento?”
Resposta: Não está correto o entendimento. O switch ofertado deverá atender aos requisitos mínimos estabelecidos neste edital.
“Referente ao item 3.1.3. Possuir matriz de comutação de pelo menos 172Gbps. Uma vez que sejam consideradas as interfaces solicitadas nos itens 3.1.1 e 3.1.2, e a largura de banda de empilhamento de 40Gbps, podemos chegar a uma matriz de comutação de 128Gbps através do seguinte calculo 40Gbps (empilhamento) + 2x20Gbps (2 portas 10Gbps) +2x24Gbps (24 portas 1Gbps) = 128Gbps full duplex. Entendemos que será aceito equipamento que possua capacidade agregada de switch fabric de pelo menos 128 Gbps, suficientes para operação nonblocking de todas as interfaces ofertadas. Está correto nosso entendimento?”
Resposta: Não está correto o entendimento. O switch ofertado deverá atender aos requisitos mínimos estabelecidos neste edital.
“Referente ao item 3.1.4. Possuir capacidade de processamento de pelo menos 128Mpps (milhões de pacotes por segundo). Uma vez que sejam consideradas as interfaces solicitadas nos itens 3.1.1 e 3.1.2, e a largura de banda de empilhamento. Entendemos que será aceito equipamento que possua capacidade de processamento de pelo menos 96Mpps, suficientes para operação non-blocking de todas as interfaces ofertadas. Está correto nosso entendimento?”
Resposta: Não está correto o entendimento. O switch ofertado deverá atender aos requisitos mínimos estabelecidos neste edital.
“Referente ao item 3.1.15. O switch fornecido deve ser empilhável. O empilhamento deve ser feito através de cabo dedicado e não deve consumir interfaces de Rede. Entendemos que o empilhamento não deverá utilizar nenhuma das interfaces de rede solicitadas nos itens 3.1.1 e 3.1.2, mantendo 26 interfaces de rede ativas e mais as interfaces utilizadas para o empilhamento que deverão utilizar cabos metálicos para a interligação. Está correto nosso entendimento?”
Resposta: Não está correto o entendimento. O empilhamento não deverá utilizar nenhuma das interfaces de rede solicitadas nos itens 3.1.1 e 3.1.2. O switch ofertado deverá atender aos requisitos mínimos estabelecidos neste edital.
“Referente ao item 3.1.19. Deve ser possível criar uma conexão de pelo menos 80Gbps entre os comutadores membros da pilha. Levando em conta as interfaces solicitadas nos itens 3.1.1 e 3.1.2 e o número de unidade a serem empilhadas solicitadas no item 3.1.16, podemos considerar que uma banda de empilhamento total de 40 Gbps é completamente suficiente para interligar as unidades da pilha sem qualquer prejuízo ao desempenho da comunicação entre os clientes. Sendo assim entendemos que equipamentos que possuam tal capacidade total de empilhamento também serão aceitos. Está coreto nosso entendimento?”
Resposta: Não está correto o entendimento. O switch ofertado deverá atender aos requisitos mínimos estabelecidos neste edital.
“Referente ao item 4.1.1. Switch Ethernet com pelo menos 24 (vinte e quatro) portas 10/100/1000Base-T POE+ (30,8w) “auto-sensing” nas 48 portas, suportando pelo menos, 24 portas ativas simultaneamente a 30,8w; Lê-se no título do item o seguinte “4. ITEM 4 – SWITCH CONFIGURAÇÃO FIXA 24 PORTAS 10/100/1000 STACKING L2+ COM POE 24 PORTAS POE” e em seguida no item 4.1.1 mencionado acima há a solicitação de switch de 24 porta com auto-sensing em 48 portas, visto isso podemos supor que ocorreu um erro na digitação e que se trata de um equipamento PoE+ de 24 portas somente. Está correto nosso entendimento?”
Resposta: O entendimento está correto. O switch ofertado deve possuir 24 portas PoE+.
“Referente ao item 4.1.1. Switch Ethernet com pelo menos 24 (vinte e quatro) portas 10/100/1000Base-T POE+ (30,8w) “auto-sensing” nas 48 portas, suportando pelo menos, 24 portas ativas simultaneamente a 30,8w; Visto que não é comum vermos implementações que exijam tal potência em todas as portas de um único equipamento, já que equipamentos que chegam a consumir até 30 W não são tão comumente utilizados, por serem indicados para situações muito específicas, entendemos que poderão ser ofertados para este item equipamentos que suporte PoE+ em todas as suas portas e que sejam capazes de fornecer até 30,8w em pelo menos 12 portas simultaneamente. Está correto nosso entendimento?”
Resposta: Não está correto o entendimento. O switch ofertado deverá atender aos requisitos mínimos estabelecidos neste edital.
“Referente ao item 4.1.3. Possuir matriz de comutação de pelo menos 172Gbps. Uma vez que sejam consideradas as interfaces solicitadas nos itens 4.1.1 e 4.1.2, e a largura de banda de empilhamento de 40Gbps, podemos chegar a uma matriz de comutação de 128Gbps através do seguinte calculo 40Gbps (empilhamento) + 2x20Gbps (2 portas 10Gbps) +2x24Gbps (24 portas 1Gbps) = 128Gbps full duplex. Entendemos que será aceito equipamento que possua capacidade agregada de switch fabric de pelo menos 128 Gbps, suficientes para operação nonblocking de todas as interfaces ofertadas. Está correto nosso entendimento?”
Resposta: Não está correto o entendimento. O switch ofertado deverá atender aos requisitos mínimos estabelecidos neste edital.
“Referente ao item 4.1.4. Possuir capacidade de processamento de pelo menos 128Mpps (milhões de pacotes por segundo). Uma vez que sejam consideradas as interfaces solicitadas nos itens 4.1.1 e 4.1.2, e a largura de banda de empilhamento. Entendemos que será aceito equipamento que possua capacidade de processamento de pelo menos 96Mpps, suficientes para operação non-blocking de todas as interfaces ofertadas. Está correto nosso entendimento?”
Resposta: Não está correto o entendimento. O switch ofertado deverá atender aos requisitos mínimos estabelecidos neste edital.
“Referente ao item 4.1.11. Possuir fonte de alimentação interna ao equipamento com ajuste automático de tensão 110 e 220 volts com capacidade mínima de 1100w; Visto que no item 4.1.1 é solicitado potência de até 30,8W, podemos verificar que a potência exigida no item acima está muito além do necessário já que é suficiente para alimentar 35 portas simultaneamente na potência máxima solicitada, desta forma entendemos que equipamentos com fonte de pelo menos 370w também serão aceitos. Está correto nosso entendimento?”
Resposta: Não está correto o entendimento. O switch ofertado deverá atender aos requisitos mínimos estabelecidos neste edital.
“Referente ao item 4.1.15. O switch fornecido deve ser empilhável. O empilhamento deve ser feito através de cabo dedicado e não deve consumir interfaces de Rede. Entendemos que o empilhamento não deverá utilizar nenhuma das interfaces de rede solicitadas nos itens 4.1.1 e 4.1.2, mantendo 26 interfaces de rede ativas e mais as interfaces utilizadas para o empilhamento que deverão utilizar cabos metálicos para a interligação. Está correto nosso entendimento?”
Resposta: Não está correto o entendimento. O empilhamento não deverá utilizar nenhuma das interfaces de rede solicitadas nos itens 4.1.1 e 4.1.2. O switch ofertado deverá atender aos requisitos mínimos estabelecidos neste edital.
“Referente ao item 4.1.19. Deve ser possível criar uma conexão de pelo menos 80Gbps entre os comutadores membros da pilha. Levando em conta as interfaces solicitadas nos itens 4.1.1 e 4.1.2 e o número de unidade a serem empilhadas solicitadas no item 4.1.16, podemos considerar que uma banda de empilhamento total de 40 Gbps é completamente suficiente para interligar as unidades da pilha sem qualquer prejuízo ao desempenho da comunicação entre os clientes. Sendo assim entendemos que equipamentos que possuam tal capacidade total de empilhamento também serão aceitos. Está coreto nosso entendimento?”
Resposta: Não está correto o entendimento. O switch ofertado deverá atender aos requisitos mínimos estabelecidos neste edital.
“Referente ao item 5.1.3. Possuir matriz de comutação de pelo menos 210 Gbps; Uma vez que sejam consideradas as interfaces solicitadas nos itens 5.1.1 e 5.1.2, e a largura de banda de empilhamento de 80Gbps, podemos chegar a uma matriz de comutação de 168Gbps através do seguinte calculo 80Gbps (empilhamento) + 2x20Gbps (2 portas 10Gbps) +2x24Gbps (24 portas 1Gbps) = 168Gbps full duplex. Entendemos que será aceito equipamento que possua capacidade agregada de switch fabric de pelo menos 168 Gbps, suficientes para operação nonblocking de todas as interfaces ofertadas. Está correto nosso entendimento?”
Resposta: Não está correto o entendimento. O switch ofertado deverá atender aos requisitos mínimos estabelecidos neste edital.
“Referente ao item 5.1.4. Possuir capacidade de processamento de pelo menos 150Mpps (milhões de pacotes por segundo); Uma vez que sejam consideradas as interfaces solicitadas nos itens 5.1.1 e 5.1.2, e a largura de banda de empilhamento. Entendemos que será aceito equipamento que possua capacidade de processamento de pelo menos 130Mpps, suficientes para operação non-blocking de todas as interfaces ofertadas. Está correto nosso entendimento?”
Resposta: Não está correto o entendimento. O switch ofertado deverá atender aos requisitos mínimos estabelecidos neste edital.
“Referente ao item 5.1.12. Deve suportar fonte de alimentação redundante externa; Fontes de alimentação externa geram dois problemas que devem ser levados em consideração na elaboração de um projeto, o primeiro é a questão do espaço no rack que devido a fonte externa ocupar 1RU isto faz com que o espaço necessário seja dobrado e um segundo ponto é o aumento da complexidade da instalação e futuras manutenções, por se tratar de um equipamento de alta capacidade e em caso de falha sua indisponibilidades causaria muito transtorno seria muito importante que este seja ofertado já com duas fontes, por estes motivos entendemos que os equipamentos ofertados para este item deverão suportar fontes redundantes internas as quais deverão ser ofertados já instaladas nos equipamentos. Está correto nosso entendimento?”
Resposta: Não está correto o entendimento. O switch ofertado deve suportar o uso de fontes redundantes.
“Referente o item 5.3.11. Implementar o padrão PVST+/RPVST+ Por se tratar de um protocolo que oferece uma funcionalidade muito semelhante ao protocolo IEEE 802.1s MSTP (Multiple Spanning Tree), entendemos que serão aceitos equipamentos que implementem ao protocolo IEEE 802.1s MSTP (Multiple Spanning Tree) em atendimento ao item 5.3.11. Está correto nosso entendimento?”
Resposta: Não está correto o entendimento. Frequentemente as regiões MST são conectadas a outros domínios pelo “Spanning Tree de VLAN mais” (PVST+) ou as regiões rapid-PVST+. Este Switches que executam o PVST+ (ou o rapid) não podem processar o “bridge protocol data units” (BPDU). Por este motivo, deve haver um mecanismo da compatibilidade retrógrada que seja executado de modo que estes dois domínios possam interagir um com o outro continuamente.
“5.3.14. Capacidade de implementar MLAG (Multichassis Link Agreengation) – agregação de portas entre dois equipamentos distintos, não empilhados, cada equipamento com seu próprio endereço IP e mac-address. Entendemos que em atendimento a este item poderão ser ofertados equipamento que permitam a criação de grupos de portas agregadas entre equipamentos distintos utilizando protocolo LACP sendo que os equipamentos poderão estar empilhados, visto que desta forma tanto a implementação quanto administração dos recursos do equipamento são bastante simplificadas já que os equipamentos são gerenciados através de um único endereço IP e como uma única entidade lógica. Está correto nosso entendimento?”
Resposta: Não está correto o entendimento. O LACP é um protocolo dinâmico onde multíplas portas/links entre dois switches podem ser combinadas para prover maior largura de banda entre eles com funcionalidades adicionais ao LAG. O MLAG é um meio simplificado de Multipath Layer 2, permitindo que vários switches físicos se apresentem para outros dispositivos em uma rede como um único switch, embora cada Switch continua a ser gerenciada de forma independente.
Empresa: ADTK COM. E SERV. DE INFO. E TELECOM. LTDA
“(…) Questionamento 1: Com relação ao item 2, subitens 2.1.3, 2.1.4 e 2.1.19 entendemos que se refere capacidade de banda de empilhamento entre os equipamentos da mesma pilha. Considerando que o tráfego de uma rede seja feito das portas de acesso para as portas de uplink (conexes fora da pilha, como servidores, internet, etc), entendemos que, a taxa de comunicação entre portas de usuários, no caso, utilizando as portas de empilhamento, mínima e, dada a quantidade de portas exigidas por switch, serão aceitos equipamentos que implementem empilhamento com largura de banda total de 40 Gbps por equipamento e que possua performance wirespeed e non-blocking, com cada membro da pilha fazendo switching L2 e L3 localmente. Está correto o nosso entendimento?”
Resposta: Não está correto o entendimento. O switch ofertado deverá atender aos requisitos mínimos estabelecidos neste edital.
“Questionamento 2: Com relação ao item 3, subitens 3.1.3, 3.1.4 e 3.1.19 entendemos que se refere capacidade de banda de empilhamento entre os equipamentos da mesma pilha. Considerando que o trfego de uma rede seja feito das portas de acesso para as portas de uplink (conexes fora da pilha, como servidores, internet, etc), entendemos que, a taxa de comunicação entre portas de usuários, no caso, utilizando as portas de empilhamento, mínima e, dada a quantidade de portas exigidas por switch, serão aceitos equipamentos que implementem empilhamento com largura de banda total de 40 Gbps por equipamento e que possua performance wirespeed e non-blocking, com cada membro da pilha fazendo switching L2 e L3 localmente. Está correto o nosso entendimento?”
Resposta: Não está correto o entendimento. O switch ofertado deverá atender aos requisitos mínimos estabelecidos neste edital.
“Questionamento 3: Com relação ao item 4, subitem 4.1.19 entendemos que se refere capacidade de banda de empilhamento entre os equipamentos da mesma pilha. Considerando que o tráfego de uma rede seja feito das portas de acesso para as portas de uplink (conexes fora da pilha, como servidores, internet, etc), entendemos que, a taxa de comunicação entre portas de usuários, no caso, utilizando as portas de empilhamento, mínima e, dada a quantidade de portas exigidas por switch, serão aceitos equipamentos que implementem empilhamento com largura de banda total de 40 Gbps por equipamento e que possua performance wirespeed e non-blocking, com cada membro da pilha fazendo switching L2 e L3 localmente. Está correto o nosso entendimento?”
Resposta: Não está correto o entendimento. O switch ofertado deverá atender aos requisitos mínimos estabelecidos neste edital.
“Questionamento 4: Com relação ao item 4, subitem 4.1.11 entendemos que ofertando um switch que possua Power Budget de 740 watts e que forneça alimentação PoE classe 3 (15.4 watts) em todas as portas simultaneamente ou ainda 31 watts classe 4 simultaneamente em 24 portas estaremos aderentes ao solicitado.”
Resposta: Não está correto o entendimento. O switch ofertado deverá atender aos requisitos mínimos estabelecidos neste edital.
“Questionamento 5: Com relação ao item 5, subitens 5.1.3, 5.1.4 e 5.1.19 entendemos que se refere capacidade de banda de empilhamento entre os equipamentos da mesma pilha. Considerando que o tráfego de uma rede seja feito das portas de acesso para as portas de uplink (conexes fora da pilha, como servidores, internet, etc), entendemos que, a taxa de comunicação entre portas de usuários, no caso, utilizando as portas de empilhamento, mínima e, dada a quantidade de portas exigidas por switch, serão aceitos equipamentos que implementem empilhamento com largura de banda total de 40 Gbps por equipamento e que possua performance wirespeed e non-blocking, com cada membro da pilha fazendo switching L2 e L3 localmente. Está correto o nosso entendimento?”
Resposta: Não está correto o entendimento. O switch ofertado deverá atender aos requisitos mínimos estabelecidos neste edital.
“Questionamento 6: Com relação ao item 5, subitem 5.3.7 entendemos que houve um erro de grafia e que o correto seria 32 grupos LAG uma vez que a exigência de 128 grupos LAG limita a participação de uma ampla gama de fabricante.“
Resposta: Não está correto o entendimento. O switch ofertado deverá atender aos requisitos mínimos estabelecidos neste edital.
“Questionamento 7: Com relação ao item 5, subitem 5.3.11 entendemos que ofertando um switch que possua os protocolos 802.1D-2004 (STP), 802.1w (RSTP), 802.1Q-2005 (MSTP) estaremos de acordo com o edital tendo em vista que os protocolos PVST+/RPVST+ so proprietrios.“
Resposta: Não está correto o entendimento. Múltiplos fabricantes implementam a função correlata. O switch ofertado deverá atender aos requisitos mínimos estabelecidos neste edital.
Em, 09 de junho de 2015.

Comissão Permanente de Licitação

Porno Gratuit Porno Français Adulte XXX Brazzers Porn College Girls Film érotique Hard Porn Inceste Famille Porno Japonais Asiatique Jeunes Filles Porno Latin Brown Femmes Porn Mobile Porn Russe Porn Stars Porno Arabe Turc Porno caché Porno de qualité HD Porno Gratuit Porno Mature de Milf Porno Noir Regarder Porn Relations Lesbiennes Secrétaire de Bureau Porn Sexe en Groupe Sexe Gay Sexe Oral Vidéo Amateur Vidéo Anal

Windows Lizenz Windows 10 Lizenz Office 2019 Lizenz Kaufen Office 365 kaufen Windows 10 Home kaufen Office 2016 kaufen lisans satın al office 2019 satın al follower kaufen instagram follower kaufen porno

Olá! O nosso site usa cookies e, portanto, coleta informações sobre sua visita para melhorar nosso site. Por favor, consulte nossa página de Política de Cookies e  Política de Privacidade para mais detalhes ou concorde clicando no botão 'Aceitar'.

Configurações de cookies

A seguir, você pode escolher quais tipos de cookies permitem neste site. Clique no botão "Salvar configurações de cookies" para aplicar sua escolha.

FunctionalNosso site usa cookies funcionais. Esses cookies são necessários para permitir que nosso site funcione.

AnalyticalNosso site usa cookies analíticos para permitir a análise de nosso site e a otimização para o propósito de usabilidade.

Social mediaNosso site coloca cookies de mídia social para mostrar conteúdo de terceiros, como YouTube e Facebook. Esses cookies podem rastrear seus dados pessoais.

AdvertisingNosso site coloca cookies de publicidade para mostrar anúncios de terceiros com base em seus interesses. Esses cookies podem rastrear seus dados pessoais.

OtherNosso site coloca cookies de terceiros de outros serviços de terceiros que não são analíticos, mídia social ou publicidade.