fbpx

Aprendizado ativo está entre principais competências para futuro do trabalho

Automação obrigará trabalhadores a se requalificarem para cumprirem funções criativas e inovadoras

O Fórum Econômico Mundial publicou no final de 2020 o relatório “The Future of Jobs”, que mapeia os empregos e habilidades do futuro e quais são as perspectivas para a adoção de tecnologia até 2025. Na lista das 15 principais competências para os próximos cinco anos aparece em segundo lugar “aprendizado ativo e estratégias de aprendizado”, fato que reforça a importância da atualização constante dos indivíduos independentemente dos cargos que ocupam.

de Redação em 15 de janeiro de 2021
Revista Melhor

“Quando falamos em aprendizado ativo, isso está ligado a outras capacidades, como flexibilidade cognitiva; o desenvolvimento de soft skills como a inteligência emocional; a capacidade de resolver problemas complexos de forma colaborativa”, explica Herman Bessler, CEO do Templo.cc, rede de inovação e consultoria em transformação digital.

Segundo o executivo, que estuda o futuro do trabalho, as estimativas de várias pesquisas preveem que o mercado americano nos próximos 15 anos terá uma taxa de automação da força de trabalho em torno de 25% a 50%. No Brasil, ela continuará ocorrendo, mas ainda não possuiria um peso tão grande, embora as transformações já sejam motivos de preocupação para líderes e colaboradores.

Diante desse cenário, Bessler defende que é necessário repensar não apenas as habilidades que precisam ser desenvolvidas com as pessoas dentro das companhias, mas também o design institucional em si. “Precisamos reavaliar a forma como criamos cargos, a maneira como pensamos funções, porque o humano pode ser substituído pela máquina, mas ele pode trabalhar junto com ela para entregar mais resultados também”.

“Quando a gente pensa em transformação a gente foca muito mais na tecnologia do que nas pessoas, mas na verdade sem os indivíduos não há resultados, porque ela é uma ferramenta que precisa ser operada”, afirma.

Para ele, a tecnologia pode liberar o tempo usado com tarefas repetitivas para que ele seja utilizado com trabalhos criativos e inovações. Todas essas mudanças, entretanto, estão relacionadas com a capacidade das empresas se adaptarem e isso passaria pela capacitação das pessoas, pela mudança das suas estruturas e pela transformação dos incentivos para inovar.

Leia mais: https://revistamelhor.com.br/aprendizado-ativo-esta-entre-principais-competencias-para-futuro-do-trabalho-segundo-fem/

Compartilhe esse post!

Compartilhar no facebook
Compartilhar no google
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Luciana Corrêa

Luciana Corrêa

Deixe um comentário

#autor

Luciana Corrêa

#siga-nos

#vídeos

Veja mais!


Windows Lizenz Windows 10 Lizenz Office 2019 Lizenz Kaufen Office 365 kaufen Windows 10 Home kaufen Office 2016 kaufen lisans satın al office 2019 satın al follower kaufen instagram follower kaufen porno

Olá! O nosso site usa cookies e, portanto, coleta informações sobre sua visita para melhorar nosso site. Por favor, consulte nossa página de Política de Cookies e  Política de Privacidade para mais detalhes ou concorde clicando no botão 'Aceitar'.

Configurações de cookies

A seguir, você pode escolher quais tipos de cookies permitem neste site. Clique no botão "Salvar configurações de cookies" para aplicar sua escolha.

FunctionalNosso site usa cookies funcionais. Esses cookies são necessários para permitir que nosso site funcione.

AnalyticalNosso site usa cookies analíticos para permitir a análise de nosso site e a otimização para o propósito de usabilidade.

Social mediaNosso site coloca cookies de mídia social para mostrar conteúdo de terceiros, como YouTube e Facebook. Esses cookies podem rastrear seus dados pessoais.

AdvertisingNosso site coloca cookies de publicidade para mostrar anúncios de terceiros com base em seus interesses. Esses cookies podem rastrear seus dados pessoais.

OtherNosso site coloca cookies de terceiros de outros serviços de terceiros que não são analíticos, mídia social ou publicidade.